Faça parte da nossa lista de e-mails e nunca perca as novidades do nosso site.

Please reload

SHIATSU

Você está aqui: Serviços para você > Procedimentos Técnicos > Shiatsu

DEFINIÇÃO
 

   Shiatsu é um método antigo de massagem utilizada no Oriente no tratamento e promoção da saúde. Sua técnica consiste em friccionar e comprimir pontos chamados “tsubo”, que se localizam ao longo dos 12 principais canais de energia utilizados pela Medicina Oriental Tradicional.
A palavra Japonesa Shiatsu se traduz por Shi - dedo, Atsu - pressão.

 

   O Ministério da Saúde do Japão dá a seguinte definição para Shiatsu “ A terapia conhecida por Shiatsu é uma forma de manipulação administrada pelos polegares, dedos e palmas, sem o uso de qualquer instrumento, mecânico ou de outro tipo, para aplicar pressão à pele humana, corrigir disfunções internas, promover e manter a saúde, e tratar doenças específicas.”

 

 

HISTÓRICO
 

   O Shiatsu é originário do Japão. Hoje em dia se tornou uma terapia extremamente utilizada principalmente no controle do estresse e manutenção da saúde. O Shiatsu está intimamente relacionado com o seu antepassado oriental chamado “Amma”. Esta antiga técnica de massagem desenvolvida inicialmente em mosteiros Budistas, era aplicada comprimindo pontos em determinadas regiões do corpo para tratar distúrbios comuns.
 

   As diversas técnicas de massagem no Japão passaram por um processo de evolução ao lado da Acupuntura e Fitoterapia Chinesa, provavelmente entre os séculos IV e XII, mas acabaram se popularizando por volta dos séculos XIV e XVIII, onde eram utilizadas no tratamento de soldados durante o período das guerras feudais ocorridas no Japão. 
 

   Logo no princípio do século XX, os principais Mestres de “Amma” se reuniram no intuito de recolher conhecimentos e diversas técnicas de massagem e as combinaram com o Sistema Oriental Tradicional de tratamento do corpo para desenvolverem o Shiatsu tal qual conhecemos hoje.

 

 

OBJETIVOS
 

   O Shiatsu tem como objetivo principal combater a fadiga muscular e fortalecer o sistema bio-energético. A pressão aplicada nos pontos estimula a energia, desta forma contribuindo para uma melhor circulação de sangue e relaxamento da musculatura.

 

   O acúmulo de tensão e a movimentação contínua da musculatura provoca gradualmente acúmulos de substâncias como o ácido láctico e dióxido de carbono que produzem a fadiga e o enrijecimento das fibras musculares, ocorrendo uma diminuição da capacidade de contração. O fluxo de sangue e linfa é desse modo reduzido, e a alimentação capilar se torna insuficiente. Se o enrijecimento persistir, a contratura se desenvolve. E, se esta condição não é corrigida, os nervos ficam entorpecidos, o sistema endócrino e os órgãos internos são afetados com a conseqüente perda do equilíbrio físico, resultando na condição usualmente referida como tensão ou rigidez muscular.

E-mail:

© 2015 - 2021 farmacêutico.com

O Site das Práticas Integrativas e Complementares

  • Facebook Social Icon