Faça parte da nossa lista de e-mails e nunca perca as novidades do nosso site.

Please reload

ANTROPOSOFIA

Você está aqui: Para Farmacêutico > As Práticas Integrativas > Antroposofia
Farmacêutico, farmaceutico, homeopata, Brasília
Imagem meramente ilustrativa

INTRODUÇÃO

    Segundo a Federação Internacional das Associações Médicas Antroposóficas estima-se que os medicamentos antroposóficos são prescritos por mais de 30.000 médicos em 65 países de todo mundo, reunidos em 30 associações nacionais de médicos antroposóficos. A origem da Medicina Antroposófica remonta ao início do século XX, tendo sido desenvolvida pela médica Ita Wegman (1876 - 1943), graduada em Medicina na Suíça, em parceria com o filósofo austríaco Rudolf Steiner (1861-1925).


    A Medicina Antroposófica está presente no Sistema de Saúde Pública na Alemanha, Suíça, Itália, Holanda, Brasil, Suécia, Áustria, Reino Unido e Estados Unidos e é legalmente reconhecida também na Dinamarca, Finlândia e Reino Unido.

 
    No Brasil, a Medicina Antroposófica foi introduzida na década de 1950 e, desde 2006 integra a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares e, é reconhecida como prática médica pelo parecer 21/93 do Conselho Federal de Medicina.


    O exercício da Farmácia Antroposófica é regulamentado pelo Conselho Federal de Farmácia através da Resolução de Nº 465 de 24 de julho de 2007.

 

    Oficialmente, a ANVISA reconhece os medicamentos antroposóficos na categoria de medicamentos industrializados dinamizados (RDC Nº 26, de 30 de março de 2007, RDC Nº 67, de 08 de outubro de 2007 e RDC Nº 87, de 21 de novembro de 2008).